Quilts in "Little Women"

Uma das razões pelas quais eu adoro ver filmes e séries históricas tem a ver com os espaços (interiores e exteriores), o guarda-roupa e a fotografia. Estas produções são normalmente feitas com grande rigor e detalhe, e para mim são extremamente inspiradoras. A BBC é imparável neste campo mas há dezenas de outros filmes e séries que não lhes ficam atrás.
No filme “Mulherzinhas”, por exemplo, aparecem uns quantos quilts que me fazem sempre carregar no botão pausa para olhar melhor para eles. Da última vez que o vi tirei umas quantas fotografias com o telemóvel para partilhar aqui convosco — não estão nada de especial, mas dá para ter uma ideia dos quilts americanos na altura da Guerra Civil.
Um dia hei-de fazer aqui uma lista das minhas produções preferidas neste aspecto. E vocês, que séries e filmes vêem e revêem só por causa daquilo que aparece em segundo plano?
One of the reasons why I love watching period series and films has to do with the locations (both indoors and outdoors), wardrobe and photography. These productions are usually put together with great accuracy and attention to detail and I find them highly inspiring. The BBC is a master in this field but there are also dozens of other films and TV series that are equally good.

In the film “Little Women”, for instance, there’s a number of quilts that always have me press the pause button so I can have a better look at them. The last time I watched it I actually took some photos with my phone in order to share them here with you — the quality isn’t great but they give us an idea of the type of quilts that existed in America in the Civil War era.

One of these days I must show you my list of films and series I watch mainly because of this kind of things. What about you, what do you watch over and over again just because of what you can glimpse in the background?
(photos: © Constança Cabral)

18 thoughts on “Quilts in "Little Women"

  1. Anonymous says:

    Olá Constança:

    Uma dica: o último romance da Tracy Chevalier, The Last Runaway. Ainda não o li, estou à espera de uma edição barata em paperback na amazon ou no bookdepository, mas na NZ já deve ter saído. É sobre quilts e sobre esse período da História dos EUA.

    Adorei esta versão de Mulherzinhas por causa dos interiores e guarda roupa… irresistível…

    Beijinhos de Portugal,
    Marta (de Leça)

    Like

  2. uma dona mãe babada says:

    pelo guarda-roupa/cenários, assim de repente ocorre-me “homem da mascara de ferro”; “marie antoinette”, “ever after”, “Mirror mirror”, “elizabeth”, os filmes da Sissi (e porque adoro filmes em alemao) e as séries “downton abbey”, “tudors”, “norte e sul” e “mad men”. (nota-se mt que passei uma gravidez inteira na cama? heheheh)
    mas se for pelos quilts, recomendo o filme “how to make an american quilt”. bom, pelos quilts e pelo rapazinho que lá aparece 🙂

    Like

  3. filosofiabotequim says:

    Confesso que ainda não tive coragem de começar a fazer o meu primeiro quilt… acho que ainda ando na fase da pesquisa. Mas quando começar gostava que se inspira-se nos que aparecem no filme “How to Make an American Quilt”. Vale a pena ver não só pelos quilts mas pela história em si.

    Like

  4. coldcomfortcrafts says:

    Oh poor Beth! Bright Star is incredible for sewing and period detail but also INCREDIBLY sad. Recent BBC Dancing on the Edge had some seriously wonderful frocks in it. Oh the list goes on and on…

    Like

  5. Sally says:

    Similarly, something that would make me watch Nanny McPhee again is not actually a quilt but a crochet blanket. I love the colours of the blanket on one of the children's beds. It's enough to make me want to learn to crochet!

    Like

  6. Analog Girl says:

    Não sei se é o factor determinante para começar a ver um filme ou série, mas se souber que determinado filme teve vários prémios ao nível do guarda-roupa e detalhes de cenário, sou menina para ficar muito curiosa…
    No entanto, cada vez que vejo um filme ou série estou sempre atenta a esse tipo de pormenores, aliás, até nos jogos de computador que o homem cá de casa gosta de jogar eu fico a babar-me com determinados detalhes… Deve ser fantástico pertencer à realização de projectos deste género. 🙂

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s