Winter :: Feathers

Esta semana fechou a época de caça ao faisão no Reino Unido. Há muitos faisões ao pé de nossa casa (os machos são verdadeiramente impressionantes) e um dos caçadores ofereceu-nos um par deles (literalmente). Tinha a ideia de que depená-los seria uma aventura mas afinal não foi nada de especial. E, para além dum almoço delicioso, fiquei com uma caixa de penas extraordinárias para usar em todo o tipo de projectos – comecei por fazer uma coroa e uns arranjos para cima da lareira, mas seguir-se-ão outras coisas de certeza. Bom fim-de-semana!

The pheasant shooting season closed this week in the UK. There are many pheasants around our house (the males are truly impressive) and one of the huntsmen gave us a pair of them (literally). I thought that plucking them would be quite an adventure but it turns out it’s not as bad as that. And, in addition to a delicious lunch, I’m now left with a box of extraordinary feathers to use in all kinds of projects – I’ve already made a wreath and some arrangements for the mantel but I’m sure other things will follow. Have a great weekend!

(images: Constança Cabral)

35 thoughts on “Winter :: Feathers

  1. libelinha says:

    Olá Constança,
    Os machos são de uma beleza impressionante! Onde cresci, ao entardecer e de madrugada diariamente ouvia bandos de perdizes. Fazem uns estalinhos muito próprios!
    Canja de faisão é muito bom, e cerejado também! Mas eu própria não conseguia depena los… 🙂
    Beijinhos e bom fim de semana!

    Like

  2. Concha says:

    Anónimo,

    Não sou vegetariana e, como tal, comer caça não constitiu um problema moral para mim. Prefiro um faisão que tenha tido uma vida à solta, no seu ambiente, do que um frango de aviário, sem espaço para se mexer e alimentado a rações duvidosas.

    A caça é uma actividade totalmente controlada e regulamentada – aliás, está provado que, nos sítios onde há caça, tem havido um ressurgimento de espécies que estavam a desaparecer (os donos das terras alimentam as aves, protegem os seus ninhos, etc).

    Somos seres humanos e estamos no topo da cadeia alimentar. Acredito em escolhas conscientes, e não em causas politicamente correctas.

    Like

  3. Concha says:

    Rocio and Kati,

    Everyone is entitled to their own opinions but I must say I'd rather eat a bird that lead a free-range life than a battery chicken.

    When you buy a bird from the butcher's or the supermarket, or when you eat one in a restaurant, someone had to do all the plucking, etc.

    I think we are becoming too sensitive about these matters. If we're not vegetarians, we should at least know where our meat comes from and how it is processed before it reaches our tables.

    Like

  4. Anonymous says:

    Querida Constança,

    Mais uma vez Parabéns e Obrigada por todas as ideias que tens vindo a partilhar connosco através do teu blog.
    Desta vez parabéns sobretudo porque soubes-te aproveitar tudo aquilo que o faisão tinha, evitando assim o máximo possível de desperdícios.
    Bjs, Cláudia

    Like

  5. Anonymous says:

    Viva

    Sou vegetariana, por opção, essencialmente porque não me agrada a ideia de comer animais. No entanto, parece-me mais legítimo que um animal viva toda a sua vida ao ar livre e no fim seja caçado para servir de alimento a alguém, do que criar animais em espaços “desumanos” com o único objectivo de servir de alimento. O aproveitamento das penas, de um animal que já morreu, e que serviu para a alimentação (este ponto é particularmente importante uma vez que não atribuo legitimidade à caça com outros objectivos), parece-me igualmente digno.

    Cumprimentos e continuação de bom trabalho

    Joana

    Like

  6. ana says:

    Desculpa … mas não gostei mesmo nada deste post ! A prática da caça seja ela regulamentada ou não , é terrivel !! E quanto a mim nada tem a ver com o facto de se ser vegetariano ou não …

    Like

  7. Concha says:

    Ana,

    E se eu tivesse comprado as penas numa loja, já seria mais aceitável? Apesar de não saber a sua origem?

    Este é um assunto controverso mas eu, apesar de nunca ter caçado na vida, vejo a caça exactamente da mesma maneira que a pesca: captura de animais para alimentação.

    Deixaram-nos dois faisões à porta de casa, num gesto de delicadeza e boas-vindas a este país – comê-los e aproveitar as penas não são comportamentos naturais?

    Like

  8. Anonymous says:

    Concha,
    Percebo todos os teus argumentos…mas nao posso deixar de dizer que fiquei arrepiada quando vi as penas na coroa. Sera que a minha reaccao nao faz sentido? Talvez…Racionalmente acho que tens razao mas que fiquei arrepiada fiquei.
    Claro que nao vou deixar de vir ca por causa disto…nem faria sentido.
    Nao fiques aborrecida com os comentarios…O ponto de vista das pessoa que os escreveram tambem 'e valido…
    Ana

    Like

  9. Concha says:

    Eu sei, Ana, mas o que me faz muita confusão nos dias que correm é o divórcio entre o que comemos e o que vemos ou queremos (ou não queremos) ver.

    Hoje em dia é quase politicamente incorrecto dizer que se come carne. E eu até como pouquíssima! Mas há mais “organic” e “free-range” que caça? E por que é que não hei-de usar as penas? Não calçamos sapatos de pele?

    E claro que todos temos direito às nossas opiniões, mas incomoda-me muito este mal-estar à volta de assuntos como este.

    Like

  10. Escrevedeira says:

    Constança, parabens pelo seu posicionamento lúcido e ético diante de uma questão que causa tanta polêmica!De fato as escolhas conscientes são assunto muito grave e todos passam por esse assunto fazendo ares de desentendidos por que significa ter de abrir maõ de seus comodismos pessoais.Parabéns pelo posicionamento e pelas lindas guirlandas!

    Like

  11. Isa says:

    Olá Constança. Vou ser sincera, não me agradou este post, mas não é por ele que vou deixar de acompanhar o seu blog, pois a razao pela qual o visito todos os dias é pelo seu adorável trabalho e não s come ou não caça! Eu não como carne, foi um opção minha mas não condeno quem o faça, acho que devemos comer com consciência. Acho a caça uma actividade (desporto ou que lhe quiserem chamar) deplorável, mesmo regulamentada e controlada, a ideia de matar animais por puro prazer humano ultrapássa-me! Mas acho que expôs de forma clara a sua posição. Todos temos as nossas opiniões, todas elas valem com tal! Força e continuação de bom trabalho

    Like

  12. Rocio says:

    Hi,

    My comment was just that, a comment, what I felt at that moment. I do not intend to judge anybody, that is not my intention.
    I still think that the arrangements are beautiful, one thing does nothing to do with the other.
    I am not vegetarian either.

    Like

  13. Anonymous says:

    Confesso que quando abri o blogue e vi a coroa, fiquei chocada, apesar de também comer carne e não ser vegetariana. Se lhe dessem uma lebre também colocaria a pele á porta em sinal de gratidão?

    Like

  14. Anonymous says:

    Nunca deixo um comentário… NUNCA!
    Mas é impossível ficar indifrente! É verdade que o retro está na moda, tal como o vintage, mas voltarmos ao puritanismo… Somos assim tão inocentes?
    O radicalismo nunca trouxe nada de bom. Para onde quer que olhe, lá estão as guerras, tal como as manifestações pacíficas que acabam sempre com faltas de respeito gravíssimas pelas liberdades alheias.
    Pensem pela vossa própria cabeça!
    Tenham opinião, claro, mas que seja a vossa e não a opinião de uma etiqueta ou de um grupo politica e socialmente bem aceite que nos dá força. Força não é legitimidade é imposição!
    Caço? Não.
    Arrancaria aquelas penas? Não sei.

    Mas sei que não posso nunca fechar-me dentro dos meus tão confortáveis idealismos!

    Sandra

    Like

  15. Concha says:

    Anónimo,

    Volto a perguntar: usa sapatos e carteiras de pele? São feitos de pele de vaca. Já para não falar em casacos e golas de peles de coelho, marta, vison, etc. Até camisolas de angora são feitas com pêlo de coelho.

    Seria melhor comer a carne e deitar fora tudo o resto? E atulhar as lixeiras de materiais aproveitáveis?

    Esta coroa não está à porta de casa nem é nenhum sinal de gratidão – é sim, um aproveitamento criativo das penas de uma ave que serviu de alimento.

    Like

  16. Concha says:

    Sandra,

    Obrigada por comentar – os comentários dos leitores são importantes e bem-vindos.

    Claro que teria sido muito mais confortável eu não ter referido a origem das penas – as pessoas assumiriam que eu as tinha comprado numa loja e não pensariam mais no assunto. Perguntamo-nos de onde vêm as penas que enfeitam os chapéus, por exemplo? E deixamos de comprá-los por causa disso?

    E as peças de roupa barata feitas em fábricas no Oriente em condições sub-humanas? Quem se pergunta se isso é ético e pensa antes de comprar? Eu tento fazê-lo, mas admito que nem sempre consigo.

    E a pesca? Quantas pessoas já viram os peixes literalmente a morrer na praia? Deixam de comê-los por causa disso?

    Tal como a Sandra, tenho muito medo de fundamentalismos, até porque, se começarmos a explorar os assuntos, todos nós temos telhados de vidro.

    Like

  17. Anonymous says:

    Como podem ser tão fundamentalistas nas vossas opiniões? Preferiam que tivesse colocado as penas no lixo?
    Eu não gosto de penas, mas considero o trabalho bem feito. Quem não quiser vir espreitar os trabalhos da Constança (de excelente qualidade na minha opinião)é que fica a perder, mas tem liberdade de o fazer no futuro!
    Um abraço aqui do Algarve, hoje quentinho.
    Ana Bela

    Like

  18. hkpowerstudio says:

    I've been a collector of feathers over the years and I have a special little stash of the one's I've collected myself from various places in the world. I am not one to purchase them normally but I do keep my eyes open for the random and beautiful feather to be spotted. I do wish I had some pheasants around to collect from. Wouldn't it be fun to do a feather swap?

    Like

  19. Cassie says:

    I must say I will be glad for the end of the shooting season so that I stop having to walk past hanging birds in all my families porches!

    I hadn't thought about using the feathers – thanks for providing the idea.
    xx

    Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s